Indústria do Paraná vai debater biodiversidade

sexta-feira 10 de fevereiro de 2006

A Universidade da Indústria (Unindus), braço da Federação das Indústrias do Paraná voltado para as práticas de gestão, vai dar a largada ao maior debate sobre biodiversidade já realizado no setor industrial do Estado, através do projeto "Biodiversidade é Capital".

Parceira do Comitê Local Organizador dos dois eventos das Nações Unidas - a 8ª Reunião da Conferência das Partes da Convenção sobre Diversidade Biológica (COP8) e a 3a Reunião das Partes do Protocolo de Cartagena sobre Biossegurança (MOP3) - que serão realizados de 13 a 31 de março em Curitiba, a Unindus inicia neste mês diversas iniciativas voltadas à discussão sobre biodiversidade dentro do setor produtivo industrial do Paraná.

"A Conferência é extremamente importante para trazer o foco para a problemática local. A biodiversidade é uma questão da atualidade e tem sido tratada como conflitante, mas diante da realidade atual ela tem que ser incorporada às questões da produtividade, assim como aconteceu com a questão ambiental e a responsabilidade social", compara o coordenador do projeto na Unindus, Rodolfo Ramina. Ele entende que o debate traz ainda a possibilidade de enxergar a biodiversidade como mercado potencial de geração de novas oportunidades.

Ramina reconhece que, assim como acontece com a população em geral, que tem dificuldade de incorporar conceitos ligados à biodiversidade e biossegurança, parte do setor produtivo ainda desconhece o conteúdo por algum motivo. "E não é por má vontade. O assunto tem que ser absorvido por todos e o setor industrial tem muito a avançar, mas o Brasil tem grandes exemplos de empresas que conseguiram atuar positivamente na questão da biodiversidade", garante.

Programação - Uma série de encontros vai definir o posicionamento do setor industrial e construir uma agenda com o foco na recuperação, crescimento e desenvolvimento do capital. O debate vai unir o setor produtivo a organizações não-governamentais e entidades ambientalistas. Para Ramina, trata-se de um diálogo bastante complexo porque há posturas conservacionistas sobre o tema. "Mas há interesse na convergência de idéias entre o setor produtivo e as entidades ambientais", garante o especialista em meio ambiente.

O primeiro encontro será realizado ainda em fevereiro e mais dois acontecerão em março, já durante as conferências oficiais da ONU. Além destes encontros, um importante evento da Federação Brasileira de Desenvolvimento Sustentável (FBDS) será realizado com o tema "Participação do Setor Privado na Conservação e Uso Sustentável da Biodiversidade".

A partir da próxima semana um web site vai permitir que as discussões que acontecerão durante as conferências das Nações Unidas sobre biodiversidade e biossegurança sejam interpretadas e os temas possam ser debatidos com o foco na indústria. A participação no debate será possível tanto pelo portal da Federação das Indústrias quanto pelo site da Universidade da Indústria (www.unindus.org.br). Qualquer cidadão poderá integrar ou observar as discussões. Também será realizada na próxima semana uma capacitação de agentes do Sebrae que atuam na área de turismo.

Nas três semanas dos eventos da ONU, estará aberta a exposição "Design e Biodiversidade", mostrando cases interessantes - especialmente do Paraná - de empresas que conseguiram aproximar o interesse produtivo dos interesses conservacionistas. Os interessados também poderão participar das chamadas "expedições" às Reservas Privadas de Patrimônio Natural (RPPN) do Paraná. As visitas técnicas vão mostrar o que o setor privado tem feito na questão da biodiversidade.

Para marcar a realização dos eventos que acontecem no Brasil pela primeira vez, um conjunto de vídeos sobre a biodiversidade paranaense e seus biomas será produzido especialmente pela Unindus e Fiep. A Unindus representa a Fiep junto ao Comitê Local responsável pelos preparativos de Curitiba para as conferências da ONU.

Fonte: www.cop8mop3.com.br

Assinaturas: 0

Fórum

Associação Civil Alternativa Terrazul,

Rua Goiás No 621. Bairro: Pan-Americano. Cep: 60441000 Fortaleza - Ceará - Brasil

E-mail: alternativa.terrazul@terra.com.br tel: + 55 85 32810246

Alternatives International

Data Nome Mensagem